“Os sofrimentos e prazeres do mundo
são como um sonho passageiro.
Jamais se esqueça da importância
de ter encontrado o Darma Sagrado.”

Por Gyouan Assis

Quem nunca passou por uma situação na vida em que pensou: “Esse sofrimento não vai passar? E agora? O que eu faço? Não aguento mais!”, ou até mesmo “Está dando tudo errado, minha vida acabou!”.

O problema nos domina de uma forma tão grande que não conseguimos ver à frente, ter perspectiva do futuro.

Não são apenas os sofrimentos, mesmo nossos momentos de alegria também são tão bons que a gente não pensa no depois. Ficamos fixados no agora, no que está acontecendo neste momento. Mas de repente acontece alguma coisa e derruba por água abaixo toda aquela convicção que tínhamos, ou a convicção que achávamos ter.

Tudo isso nos mostra que : não podemos nos agarrar às coisas transitórias da vida, porque tudo passa!

Eu preciso saber que os momentos ruins irão passar, então preciso ter calma, fé e respirar. E que os momentos bons também irão passar, então irei aproveitar mas não vou me apegar a isso.

No verso o Grande Mestre Nissen Shounin associa os prazeres e sofrimentos a um sonho. O sonho é um conjunto de imagens e sensações que criam uma fantasia.

E toda fantasia tem um tempo para acabar, tem um fim.

Precisamos então acordar para a realidade, para aquilo que é duradouro de verdade, a prática da fé.

Eternizar os momentos, pela pratica da fé, para encontrar um caminho firme para o nosso futuro.

Se está tudo bem, eu vou rezar e agradecer.

Se não está tão bem assim, vou rezar e trabalhar a minha paciência, ter fé e esperança no futuro!

Há uma citação de Buda que nos ensina:

De surpresa
a morte o pegará
e o arrastará.
Tal como uma grande enchente
o faz com um vilarejo adormecido.

(Dhammapada 47)

Adormecido é continuar achando que nossos prazeres e sofrimentos, nossas fantasias vão durar para
sempre.

Vamos acordar, pois nossa vida passa rápida demais. É preciso se apoiar na fé, no Darma Sagrado para evoluirmos e aprendermos a passar por qualquer momento da nossa vida com equilíbrio, gratidão e esperança, pois é disso que mais precisamos.